Ollantaytambo, destino indispensável

Ollantaytambo é um destino que você não pode deixar de visitar. É passagem obrigatória para quem quer conhecer Machu Picchu.

Nesta foto da para ver bem os terraços de cultivo.
Nesta foto dá para ver bem os terraços de cultivo.
Ruinas de Ollantaytambo
Ruínas de Ollantaytambo

Em Ollanta, como os locais chamam, há um sitio arqueológico que teve grande importância na época do império inca e possui paisagens de montanhas lindíssimas. Foi um centro cerimonial durante a época dos incas, serviu também como posto de controle para as pessoas que percorriam o Vale Sagrado e centro de operações durante a resistência Inca à invasão espanhola.

a maior pedra dos sítios arqueológicos, como chegou aqui? como foi talhada? mistérios que permanecem sobre os Quechuas.
A maior pedra dos sítios arqueológicos, trazida de uma pedreira próxima e levada por meio de rampas até o topo da montanha.

É uma cidade de muita história e vida cultural. Há passeios guiados constantemente, porém é mais fácil contratá-los em Cusco. Também é possível realizar passeios ciclísticos, onde poderá ver os rebanhos de ‘llamas’ e ‘alpacas’, o nevado ‘La Verónica’, cachoeiras e autênticas cabanas rústicas de agricultores. Muitos dizem que é um dos passeios mais belos da América do Sul. Existe a opção de fazer um passeio a cavalo, subindo por uma inclinada montanha para observar os sítios arqueológicos e aprender mais sobre sua cultura e legado. O trajeto dura aproximadamente 8 horas ida e volta.

Vista desde o Montanha Pincuylluna, que se chega a pé, ou com cavalos.
Vista desde o Montanha Pincuylluna, que se chega a pé ou a cavalo.
Pueblo de Ollantaytambo
Pueblo de Ollantaytambo

Como chegar a Ollantaytambo?

Há duas maneiras de chegar: uma ao norte, pelo povoado de ‘Pisac’ e a outra mais curta ao sul, pelo povoado de ‘Chinchero’.  O trajeto dura entre 1h30 e 2h. Pode-se optar por vir em ônibus de linha, que é bem barato ou por intermédio de uma agência, um pouco mais caro, mas mesmo assim em conta. Ollantaytambo é a última cidade que se chega em automóvel para ir até Machu Picchu, a partir daí não há mais estradas, é possível seguir somente em trem ou fazendo a trilha a pé de 5 dias.

estación ollanta

Informe-se sobre os trens, pois há opções mais simples e baratas e os trens de luxo, com janelas panorâmicas e serviço de bordo.

peru rail

Você se interessou pela cultura dos Incas? Então leia também sobre as formas de acesso à Machu Picchu.

Não perca a oportunidade de aprender um novo idioma. Estude espanhol, faça aulas particulares e amplie seus horizontes. Entre em contato e se informe (www.aulasdeespanhol.com.br).